quinta-feira, março 26

INDOOR CYCLE QUEIMA 500 CALORIAS POR AULA


A modalidade oferecida pela Bodytech é uma excelente atividade 
cardiovascular e de fortalecimento dos músculos inferiores

Pedalar é uma atividade lúdica, que aprendemos ainda na infância, e que pode ser uma companheira e aliada de um dia a dia saudável para a vida toda. Associada a uma alimentação equilibrada, a atividade auxilia no emagrecimento ou manutenção do peso e no condicionamento físico, se realizada regularmente. É também um excelente estímulo cardiovascular, o que resulta em aumento de energia, disposição e resistência e ajuda a prevenir doenças, entre elas de coração, diabetes, obesidade e colesterol alto. 

Na academia Bodytech Crystal, no Shopping Crystal, a modalidade Indoor Cycle é realizada em salas com bicicletas estacionárias de última geração, para o melhor desempenho e conforto do aluno. Em 50 minutos de aula, é possível queimar em torno de 500 calorias. “A cada dia é realizado um treino diferente, com aulas periodizadas, com professores qualificados e músicas contagiantes, que otimizam o treino e tornam a atividade prazerosa”, afirma a instrutora Renata Bot. 

A Indoor Cycle é recomendada a quem está iniciando uma atividade física, por ser de baixo impacto. A aula de bike trabalha os grandes grupos musculares das pernas, especialmente quadríceps e posteriores de coxa, e estimula a contração do abdômen, por exigir uma postura ereta do aluno. “O Indoor Cycle é recomendado para todas as faixas etárias, respeitando a individualidade de cada um”, comenta a instrutora da academia.

Na Bodytech Crystal, as aulas são oferecidas terças e quintas, às 8h, 19h e 20h; e segundas, quartas e sextas, às 12h, 18h e 20h. O cronograma de treinos é variado, para que todos possam evoluir suas qualidades físicas, melhorar técnicas e aprimorar o condicionamento. Em cada uma das bikes, o aluno encontra um aparelho acoplado, que marca a velocidade (RPM – rotações por minuto) que se deve atingir durante o treino, conforme a orientação do professor. Há ainda o ajuste de carga, que é determinado de acordo com o tipo de treino do dia. 

“Na aula que chamamos de ‘montanha’, por exemplo, são simuladas subidas com auxílio do ajuste de carga. Há ainda os treinos intervalados, no qual o professor dá um comando de estímulo com cargas adequadas de velocidade e recupera em seguida, com um volume menor”, exemplifica Renata.

Nenhum comentário: